Clique e baixa gratuitamente o nosso ebook com Tendências para o Verão 2017

Truques / Dicas

Calçados que machucam nunca mais!!

por  | 

As vezes tenho certeza que quem inventou alguns modelos de calçados femininos era um homem, ou então um masoquista.

 

Seria muito mais fácil dizer não a essas preciosidades se elas fossem horrendas….só que não...elas são lindas e quando vestimos sempre pensamos “vale a pena”. Mas será que precisamos passar por esse sofrimento em nome da beleza?

 

Quem nunca pensou: Será que o problema sou eu? Meu pé é estranho? Eu ando errado?? Não é  possível  que só eu sinta esse incômodo?!!!!

 

Posso garantir que você não está sozinha neste dilema. Para ajudar a acabar ou minimizar este sofrimento aqui vão algumas dicas:

 

1 – Sempre que possível descanse os pés

 

Se você é uma obcecada por salto alto ou tem que usá-lo por muitas horas, por causa do trabalho ou outros motivos, é importante que encontre momentos para descansar os pés.

 

Deixe embaixo da sua mesa do trabalho um chinelinho ou um calçado mais confortável…que tal?

 

Se vai a uma festa, deixe no carro algo mais confortável para calçar depois da noitada e para caminhar de volta para casa e não precisar sair descalça da garagem ou da carona com os sapatos na mão.

 

2 – Não compre seu sapato com os pés inchados.

Lembrem-se que durante o dia nossos pés incham. Observe como estão os pezinhos na hora de comprar, para não levar algo que vai ficar caindo do pé no dia seguinte.

 

3 – Talco

Os pés suam e naturalmente  tendem a ficar úmidos, principalmente em dias quentes. A umidade tende a aumentar o atrito e a fricção com a pele, causando bolhas e outros machucados.

Uma dica é polvilhar um pouco de talco nos pés e no calçado antes de usa-lo.

 

4 – Prefira plataformas à salto finos

A diferença de altura entre o calcanhar e os dedos em uma sandália plataforma ou meia pata e um salto tradicional é bem menor, sendo assim a pressão focal é menor.

A diferença de ganho de altura é praticamente a mesma, mas os modelos plataforma sao mais estáveis e resistentes, causando menos machucados.

 

VEJA TAMBÉM: 9 Sapatos SEM salto que você precisa ter 

5 – Curativos

Uma ótima pedida para proteger uma área já sensível ou evitar um machucado é optar pelos curativos.

Lembre-se: o curativo precisa ser maior que a região que sofre com as bolhas, para que o material não fique enrugado.

Os curativos podem ser usados para evitar dores nos pés! Para isso, basta unir o 3o e 4o dedos dos pés com um esparadrapo. Acredite isso ajudará a aliviar a dor na região do metatarso. Isso funciona porque há um nervo entre esses dois dedos, que se divide e recebe muita pressão quando você usa salto alto.

Manter os dedos unidos vai aliviar um pouco da dor

 

6 – Cera de vela

Sabe aquela costurinha que fica machucando??

Para amenizar o incômodo utilize a cera da vela nesses locais… Isso vai aliviar o desconforto.

 

7 – Alongue-se

O uso frequente e prolongado de salto alto pode atrofiar músculos como o posterior de coxa e da panturrilha; por isso alongue-se quando puder.

8 – Meias e secador

Usar um sapato apertado pode ser um pesadelo!

Para alargar a dica é calçar uma meia bem grossa e o sapato. Depois direcione o ar quente do seu secador no local que aperta. Ande com o sapato até esfriar.

Se necessário repita novamente.

 

9 – Palmilhas de silicone

Sabe aquela sandália mais aberta, de salto alto, que faz seu pé escorregar para frente??

Para acabar com isso invista em uma palmilha de silicone, gel ou de tecido para garantir que os pés não escorreguem.

 

10 – Desodorante

Calcanhar esfolado e cheio de bolhas podem ser evitados se você aplicar um desodorante roll-on na região.

Lembre-se que não funciona para regiões já machucadas.

 

11 – Água e congelador

Outra forma de lassear a frente do sapato é colocar água em um saquinho e depositar na parte do calçado que deseja lassear.

Em seguida coloque no congelador. A água vai congelar e expandir e o resultado é um calçado mais frouxo.

Deixe pelo menos um dia no congelador.

 

12 – Protetores de silicone

Você sabia que existem protetores a serem aplicados na pele e outros no próprio sapato. Pode ficar caro comprar um protetor de silicone para cada sapato, uma dica é fazer o seu próprio protetor usando EVA.

 

Avalie o nosso texto
[Total: 1 Média: 5]

Comente esse post!

30 anos, nascida em Cuiabá -MT, mas manezinha de criação e coração. Apaixonada por viajar, animais, comida....tantas coisas...acho que sou apaixonada pela vida.