Looks

Decote deslocado é aposta nos desfiles internacionais

por  | 

O decote deslocado foi destaque nas passarelas internacionais de Paris e NY.

A atenção voltada para os ombros vem aparecendo há algumas temporadas e não se engane em achar que a tendência está só de passagem, pois grifes de peso tem apresentado suas coleções para o inverno 2017 com ênfase nos ombros. No verão, os modelos ciganinha fizeram -e ainda fazem – sucesso; já para a próxima temporada a aposta é para o decote deslocado, ou seja, o destaque está ou em um ombro só ou nos dois; porém o detalhe é o efeito caído, não proposital. Marcas como Céline, Balenciaga e Chanel aderiram ao decote deslocado em suas coleções, inundando as Semanas de Moda de Paris e Nova York com um efeito despreocupado e descontraído em shapes sofisticados. 

A tendência pode ser usada nas mais diversas peças de roupas e, claro, não precisamos esperar até o inverno 2017 pra colocar em prática esse truque de styling. A dica é montar uma produção com uma jaqueta e abrir os botões a ponto de poder deixar mais a mostra os ombros; inspirando-se no desfile da Balenciaga. O mesmo truque pode ser usado em camisas, deixando a peça mais moderna e ousada. 

Outra dica saindo diretamente do desfile da Céline é deixar a alça do vestido – ou blusa – caída. Um truque super simples, que muitas de nós já testamos, e que está super em alta.

O decote deslocado foi destaque nas passarelas internacionais de Paris e NY, se confirmando como tendência.

O decote deslocado foi destaque nas passarelas internacionais de Paris e NY, se confirmando como tendência.

O decote deslocado foi destaque nas passarelas internacionais de Paris e NY, se confirmando como tendência.

O decote deslocado foi destaque nas passarelas internacionais de Paris e NY, se confirmando como tendência.

O decote deslocado foi destaque nas passarelas internacionais de Paris e NY, se confirmando como tendência.

 

Nossos achados:

Encontre mais produtos em nossa loja. Clique em SHOP!

Avalie o nosso texto
[Total: 0 Média: 0]

Comente esse post!

Formada em história, psicologia, especialista em gestão de negócios e acredita na moda como uma forma de linguagem!